Aviso aos meus queridos leitores

2 set

Lamento profundamente que o mais  recente post tenha saído de forma truncada…falta de assistência “técnica”. Espero, um dia, poder retomá-lo de forma correta.

Gosto de estar aqui. Um abraço a quem, mesmo com problema , compareceu e fez esforço para compreender…

Para compensar aos que se viram prejudicados pela postagem anterior, publico alguns hai-kais que dizem muito de mim:

Sofrer, já sofri
o suficiente.
Agora prefiro viver contente.

..………………………………………………………….

Qualquer coisa serve
Contanto que a alma
se mantenha leve.

………………………………………………………….

Melhor entendendo:
Não me pergunte quem sou,
mas…quem estou sendo.

………………………………………………………..

O Sol beijou a flor
Ela se abriu e alimentou
o beija-flor.

……………………………………………………….

A folha do galho
despencou levemente,
tal gota de orvalho.

…………………………………………………….

Deveria haver,
em todo jardim, uma flor,
para eu NÃO colher.

…………………………………………………..

Até uma nova oportunidade…Um abraço a todos que me leem!

Anúncios

4 Respostas to “Aviso aos meus queridos leitores”

  1. Bel 2 de setembro de 2013 às 10:04 #

    Adoro os seus hai-kais, e me deu vontade de fazer igual Jucemir e comentar cada um deles. Mas resistirei bravamente.
    Mentira! Eles sao tão complexos, que MERECEM ser lidos e pensados de per si, e nao somente como um todo.
    A escolha de viver contente é a melhor escolha do mundo. Mesmo porque, se nao for feita, vai gerar mais sofrimento… Que, se ja foram suficientes, nao sao mais necessários, né?
    A alma leve… É como a alma que nao é pequena, faz tudo valer a pena, mas é difícil de se manter.
    Entender quem eu sou deve ser impossível. Melhor mesmo restringir o universo da pesquisa e focar no que estou sendo. E ainda assim nao será fácil…
    O beijo recebido e repartido só nesse nível sol-flor-beijaflor. Sabe que começaram a aparecer alguns aqui em casa? E logo quando o jardim está quase todo verde, verde, verde, sem flores??? Não tenho explicações.
    O orvalho é lindo (lembra daquela foto da teia de aranha com gotinhas de orvalho?) mas nunca pensei que ele derrubasse uma flor! Será que foi ele mesmo??? Olha o falso testemunho…
    Finalmente, o melhor de todos! Aprendi com você, e nunca na vida colhi uma flor do meu jardim! E, sim, todo jardim deveria ter, ao menos uma flor! Acho que, em sua homenagem, hoje tenho quatro rosinhas abrindo… Vou te mandar fotos!
    Beijo, te amo! E estou feliz porque você retomou a poesia e o blog!
    Mais beijoooooooo

  2. Dinah Hoisel 2 de setembro de 2013 às 17:57 #

    Pôooxa!!! Que lindo e extenso comentário!!! Até parece que meu blog se entusiasmou com a Primavera próxima e…REVERDECEU!!!

  3. Kika Bastos 15 de outubro de 2015 às 11:05 #

    Ontem dia 14/10/2015 foi surpreendida com um convite para um encontro nada menos que uma volta a um passado glorioso.fui convidada por Amadeu Alves e o Sr Henrique,para minha surpresa encontre com minha amiga de longas data,DINAH HOISEL e que tinha alguns anos que não nos víamos, e que eu não sabia que tinha se tornado escritora. maravilhoso quando o passado e o presente se encontram trazendo: alegria, experiencia, progresso… e saudade dos que se foram para eternidade nesse meio tempo. parabens DINAH mussuesso sempre, suadi e paz pra nos todos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: